10 Hábitos que fazem engordar durante a gravidez

O período da gestação é um dos mais plenos e mágicos momentos que existem na vida de uma mulher. Um misto de alegria, ansiedade e vontade de conhecer a carinha do bebê se unem a desejos, enjoos e mudança de hábito repentinamente.

Sim gerar uma vida é algo extremamente grandioso e traz muitas mudanças para a família e principalmente para a mamãe, uma delas está diretamente relacionada à forma física.

E essa preocupação é uma das mais recorrentes entre as gestantes.

Pensar no enxoval do bebê, na bolsa maternidade e no quartinho do pequeno deixam as gestantes mais ansiosas e com isso mais propensas a comer por impulso.

engordar-na-gravidez-1024x682 10 Hábitos que fazem engordar durante a gravidez

 

Como não engordar durante a gravidez?

 

Sim é possível controlar o ganho de peso durante o período da gravidez, observando alguns pontos e seguindo com responsabilidade as orientações de um nutricionista e do médico obstetra / ginecologista que a acompanha durante esse período.

Listamos abaixo os 10 hábitos que você deve evitar, pois são os vilões do ganho de peso em gestantes.

Acompanhe conosco.

  • Hábito número 01

Exagerar no consumo de doces como brigadeiro, chocolate e demais guloseimas e sobremesas, se você é uma formiguinha de plantão existem doces com baixa concentração ou nenhum de açúcar, os diets os quais são direcionados ao público que tem diabetes. Para as gestantes é importante prestar atenção no consumo de açúcares, pois existe uma probabilidade alta de desenvolver diabetes durante o período gestacional.

A diabetes gestacional é uma disfunção que ocorre somente no período da gravidez, ela consiste na alteração dos níveis de glicemia e após o término da gestação, costuma desaparecer. Porém se não for controlada com alimentos baixo em carboidrato simples e açúcar pode vir a prejudicar o bebê e também a mamãe.

  • Hábito número 2

Evite consumir refrigerantes e sucos industrializados, sim mesmo aqueles sucos considerados “naturais” estão repletos de aditivos, sódio, conservantes e açúcares, portanto de nada adianta reduzir o consumo de doces se você continuar bebendo açúcar de outra forma.

Uma opção bacana é fazer suco e frutas cítricas naturais como limão e laranja e acrescentar água gaseificada, além de saudável é muito refrescante para os dias de calor.

Os refrigerantes são extremamente doces e fortes, o que irá ocasionar ganho de peso durante a gestação, aliás deve-se evitar consumir refrigerantes em qualquer fase da vida.

 

 

 

  • Hábito número 3

Não beber muita água. Quem tem o costume de ingerir a quantidade adequada diariamente, consegue perceber os reflexos através da boa aparência de unhas, pele e cabelos.

Outro ponto a se destacar é que quem bebe mais água consegue promover mais saúde às articulações, sistema digestivo, pele, ossos e funções fisiológicas. Conseguindo essa melhora o organismo como um todo tem boa disposição, o que diminui a sensação de cansaço, o que muitas vezes é confundido com falta de energia, e consequentemente se recorre à ingestão de alimentos para repor essa falta imaginária.

A água proporciona também a sensação de saciedade no estômago, além de acelerar o metabolismo, o que auxilia na queima de calorias.

 

  • Hábito número 4

Pouca ingestão de proteínas. Quando ingerimos pouca proteína, fazemos uma opção errada na ingestão de mais carboidratos, os quais causam rápida saciedade ao organismo.

A proteína é um excelente construtor de músculos, o que ajuda na queima de calorias, além de que ao comermos mais carnes nosso organismo gasta mais calorias para processar a proteína, diferentemente do carboidrato.

 

  • Hábito número 5

Pouco tempo de sono, quando nos privamos de pelo menos 8 horas de sono diário estamos provocando um aumento nos níveis de hormônios que nos deixam mais lentos e consequentemente mais “famintos” devido essa letargia, o recomendado é que se durma em ambiente apropriado, com pouco ou nenhuma luz e por no mínimo 6 horas por dia.

A quantidade correta de sono irá auxiliar na boa disposição durante o dia e, também deixará nosso corpo alerta e desperto para prática de alguma atividade física.

  • Hábito número 6

Ter uma vida sedentária, se no momento que estamos gestantes ficarmos completamente paradas sem atividade alguma, com certeza iremos ganhar alguns quilinhos, lembrando que se no seu caso for uma gravidez de alto risco é recomendado que peça orientação médica, acerca da autorização ou não para praticar alguma atividade física.

Existem atividades de baixo impacto indicadas para as grávidas, como por exemplo: hidroginástica, caminhada de baixo ritmo, yoga, musculação, pilates e alongamento.

Portanto iniciar uma prática com a supervisão e orientação de um médico é o mais indicado para que não se corra riscos desnecessários.

 

  • Hábito número 7

Pular refeições. Esse mau hábito é um dos motivos que fazem ganhar peso durante a gravidez, e principalmente o café da manhã, que é a primeira refeição e traz energia para as próximas horas do dia.

O corpo necessita de energia para suprir as atividades diárias, se pulamos uma refeição quando a fome chegar iremos comer a quantidade acima da recomendada, o jejum provocado é muito prejudicial durante o período da gravidez, e, também pode provocar hipoglicemia o que é muito perigoso para qualquer pessoa.

  • Hábito número 8

Cortar radicalmente o carboidrato da alimentação. Num primeiro momento perde-se peso, porém com o passar dos dias inicia-se um processo de muita fadiga, apatia e até enfraquecimento das unhas e cabelos. E para o bebê pode influenciar no desenvolvimento completo do feto.

  • Hábito número 9

Iniciar algum tipo de dieta restritiva. Durante o período da gestação não é recomendado nenhum tipo de dieta com alto tipo de restrição alimentar: cetogênica, low carb ou de jejum, pois ao estar gestando outra vida, consequentemente estaremos influenciando de forma negativa o desenvolvimento do bebê.

Em relação ao ganho de peso, qualquer tipo de dieta sem acompanhamento médico irá causar uma disfunção fisiológica e após alguns dias o ganho de peso irá ocorrer como forma de compensação à dieta.

  • Hábito número 10

Não fazer a mastigação corretamente. Quando comemos o alimento enviamos um sinal para o cérebro de que estamos ingerindo alimento. Se nossa mastigação é incompleta e rápida demais, cérebro não recebe a informação corretamente, e entende que o organismo precisa de mais alimento, o que irá levar a um aumento de peso.

Gostou do artigo? Deixe um comentário ou compartilhe em suas redes sociais.

Sou Marília Tannuri Verni - Mãe de 2 meninos (Ian - 12 anos e Lorenzo - 5 anos), publicitária, idealizadora do portal Grávida em Campinas e proprietária da loja infantil on line Petit Papillon Bebê & Criança. Uma apaixonada pelo universo infantil e por todas as chances que a maternidade nos proporciona.